A intenção de venda segue maior que a de compra, mantendo a pressão sobre as cotações do algodão em pluma no mercado nacional. A informação foi divulgada, nesta quarta-feira (18/11) pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

Entre 10 a 17 de novembro, o indicador da instituição para a cultura, com base em São Paulo, caiu 0,74%, fechando a R$ 2,2976 a libra-peso na terça-feira (17/11). Na parcial de novembro (até dia 17), a referência acumula queda de 1,41%.

“Produtores e comerciantes com necessidade de fazer caixa ofertam lotes especialmente para compradores domésticos. A demanda por lotes para entrega imediata ou no início de dezembro, por sua vez, está baixa. As compras ocorrem apenas quando indústrias precisam de mais pluma para cumprir pedidos já firmados”, dizem os pesquisadores, destacando que a dificuldade de repasse de custos ao produto final é outro fator de retração entre os compradores.

Fonte: Revista Globo Rural